Buscar

3 MITOS SOBRE COMPRAS QUE VOCÊ PRECISA SABER!


Não é fácil não comprar no mundo de hoje. Eu sei disso.


Mas o que podemos fazer para ficar "menos difícil"? Aprender e entender sobre as roupas antes de comprar. Essas três dicas vão te ajudar – e muito – a fazer compras melhores.


Aqui eu coloquei 3 mitos sobre moda e consumo. É claro que existem muitos outros, uma vez que somos constantemente bombardeados com tantas mensagens errôneas que se tornaram verdades absolutas, mas que na verdade precisam ser bem analisadas e dependem do contexto e situação em que estão inseridas.⁣


Vamos lá?


1. TODA ROUPA CARA É BOA



Falando em preço, a ideia de "caro" e "barato" varia de acordo com a condição financeira de cada um. Beleza, dito isso... A gente tem a mania de julgar que uma peça de R$ 200 é muito melhor do que uma de R$ 50. Tô errada? Preço alto pode sim indicar um tecido melhor, mas pode estar muito mais relacionado ao status da marca do que a qualidade em si.


E quando você acredita que tá pagando por um produto magnífico, pode estar apenas pagando os custos diretos e indiretos daquela empresa. Doeu no coração aí? Então a pergunta que deve ser feita é: será que esse produto que pretendo comprar tem um valor justo? Além de diversos casos de marcas e boutiques que se envolveram com trabalho escravo no Brasil, como o caso com a Animale em 2017, várias outras possuem confecções provenientes do Brás e Bom Retiro, mas mesmo assim acrescentam os custos de água, luz e limpeza da loja na peça que VOCÊ vai pagar.


É claro que o barato demais com certeza tem coisa errada, mas comece a prestar mais atenção em peças extremamente caras a partir de hoje. Fique atenta aos materiais, ao processo de fabricação, aos históricos de trabalho escravo... Abre o olho!


2. UMA MARCA SÓ TEM PRODUTOS DE ALTA QUALIDADE OU DE BAIXA QUALIDADE



Eu sei que você tem uma marca que você ama mais do que tudo nessa vida, eu sei. Mas deixa eu te falar uma coisa: ela pode ser fantásticas com peças jeans, mas quando o assunto é malharia... Pois é.


Não associe uma marca de "qualidade" a ela TODA. A verdade é que marcas podem ter produtos maravilhosos, aqueles chamados de carros-chefes, e outros nem tanto. Mas como você é apaixonada por ela, acaba acreditando que ela "é de qualidade" de uma maneira geral. Toda marca tem seus altos e baixos, seus pontos fracos.


Por isso, meu conselho é: não compre somente pela marca, não compre pela etiqueta. Você pode acabar ficando decepcionada!


3. ROUPAS USADAS NÃO TEM QUALIDADE



Quem te disse isso?


Com o crescimento dos brechós, bazares e feiras, hoje vemos que as peças usadas são descartadas muito mais pelo excesso e pela compra por impulso. Portanto, nesses lugares você encontra muita coisa nova e boa, principalmente pela qualidade da curadoria de peças. Existem diversos tipos de brechós e com certeza vai ter um que se adequa ao seu estilo!


Os vintages, na minha opinião, são os que tem mais qualidade, isso porque tecidos e construções de peças antigas são muito diferentes e duram mais do que as roupas atuais.



E aí? Você concorda? Discorda? Achou o post polêmico? Me conta tudo nos comentários e compartilhe com alguém que também ama comprar roupas! :)


Beijos, fui!

Mi Cardoso